Curtas

1. A balança comercial brasileira registrou superávit de US$ 67 bilhões em 2017. De acordo com o Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços, em todo ano passado, as exportações somaram US$ 217,74 bilhões. Já as importações somaram US$ 150,74 bilhões. Cresceram, no último ano, as vendas ao exterior de produtos básicos (+28,7%), de manufaturados (+9,4%), e também as exportações de produtos semimanufaturados (+13,3%).

2. A agropecuária foi um dos destaques da balança comercial. Um balanço divulgado pelo Ministério da Agricultura mostra que a safra de grãos em 2017 foi de 238 milhões de toneladas. O valor disponibilizado para o crédito rural na safra 2017-2018 foi de R$ 188 bilhões. Já o Programa de Modernização da Frota de Tratores e Máquinas Agrícolas passou a contar com mais de R$ 9 bilhões, aumento superior a 80% em relação à safra anterior.

3. A Codevasf, Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba, forneceu em dezembro de 2017, cerca de 100 tratores, 60 ensiladeiras e 6 microtratores para prefeituras, associações de agricultores e pequenos produtores de diversos municípios de Pernambuco. No início de 2018, a Codevasf também vai promover a pavimentação de vias em comunidades rurais de Petrolina e de Bodocó. A ação vai melhorar a circulação dos moradores e o escoamento da produção agropecuária.

4. Cooperativas e associações da agricultura familiar da cadeia do leite estão recebendo apoio de R$ 15 milhões do Governo Federal na comercialização de sua produção. Os recursos estão sendo aplicados pela Conab na compra de 1,08 mil toneladas de leite em pó, por meio do Programa Aquisição de Alimentos. Ao todo, serão contempladas 34 cooperativas, beneficiando 1.916 agricultores familiares do Rio Grande do Sul, do Paraná e de Alagoas. O produto adquirido será doado a pessoas em condições de insegurança alimentar e nutricional.

5. A suspensão temporária da exportação de pescado, determinada pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, entra em vigor amanhã (03/01), e será acompanhada de um Plano de Ação para responder aos questionamentos da União Europeia apresentados por ocasião da missão de auditoria ocorrida em setembro de 2017. A decisão pode evitar a possível suspensão unilateral pela União Europeia. Ao mesmo tempo, o Ministério está buscando formas de implementar a colaboração com outros órgãos públicos para inspeção sanitária nas embarcações, item bastante criticado pelos europeus.

928633-pesca0003
Foto: Marcelo Camargo / Arquivo / Agência Brasil
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s